A era do excesso de conteúdo


Você já sentiu um esgotamento por ter muitas opções diante de você? Sabe... igual quando o cardápio do restaurante é muito extenso e a gente fica virando as páginas, perdido, sem conseguir decidir...

Pois bem... O mesmo acontece com conteúdo.

Hoje, a velocidade de criação e disponibilização de conteúdo é tão elevada que não conseguimos definir qual será nossa estratégia de desenvolvimento, ou seja, qual conteúdo devemos consumir. Estamos sempre lendo alguma coisa, mas raramente estamos absorvendo conteúdo relevante.

Na maioria do tempo, estamos sendo “distraídos”.

Epa! Tem problema aqui!

Distração significa “desconexão” – com as pessoas, com a produção e, em sentido mais filosófico, com a vida. É como se você apertasse “pause” no seu crescimento e desenvolvimento, em troca do prazer momentâneo de “não pensar em nada”. #quemnunca

Para termos uma ideia do volume e velocidade da geração de conteúdo, veja no quadro abaixo o que acontece no mundo virtual, a cada 60 segundos – é surpreendente (e assustador!!).

É claro que alguns dados são apenas muito grandes, porque estamos falando de muitas pessoas no mundo. Por exemplo, a cada 60 segundos, são realizadas 700 mil pesquisas no Google e são enviados 168 milhões de emails – graças a Deus, eles não irão para sua caixa postal. rsrsrs (A propósito, como anda sua caixa postal? Você tem uma estratégia para deixa-la em dia? E como você poderia aprender isso?)

No entanto, tem uma parte importante desse volume de conteúdo que pode passar pelo seu caminho. A cada 60 segundos, são criados mais de 1.500 novos posts, mais de 60 novos blogs, são carregados mais de 600 novos vídeos no Youtube, são adicionadas mais de 6.600 fotos no Flickr, são lançadas mais de 140 perguntas para respostas livres no Answers.com e no Yahoo Answers, há mais de 20 novos posts no Tumblr, são registrados mais de 70 novos domínios para sites, carregam-se mais de 13.000 horas de música, cerca de 700 mil novos updates no Facebook, mais de 98.000 tweets. Novamente: Isso acontece a cada minuto!!!

Momento #meenganaqueeugosto \"Ah... mas tudo isso é de redes sociais e não de conteúdo. Eu sou uma pessoa madura. Não fico por aí nessas redes.\" Cof. Cof. Claro que não. Mas, se você ficasse (rsrsrs) deveria saber que hoje o Facebook, Instagram, Linkedin e demais redes formam o maior provedor de conteúdo do mundo. Representam a forma como a maioria das pessoas recebem as informações e os links para os conteúdos mais profundos e especializados.

Nesse tsunami de informações, é essencial que possamos desenvolver a capacidade de discernir o que é conteúdo relevante do que é distração vazia. Esse é um grande desafio, associado a uma nova característica cada vez mais presente nas nossas relações de trabalho e de desenvolvimento: AUTONOMIA.

Agora ninguém mais te pega pela mãozinha, leva pra sala de aula, coloca sentadinho pra escutar a tia Neide ensinando todo conteúdo que ela sabe mais do que os alunos. Não tem mais tia Neide, gente! As coisas mudam muito rápido e é necessário PROTAGONISMO na ação de aprender. Em outras palavras, PRECISAMOS APRENDER A APRENDER.

O primeiro passo é reconhecer isso e tornar consciente a INTENÇÃO de se desenvolver constantemente. Já pensou você terminar um dia sabendo e sentindo exatamente a mesma coisa do dia anterior? E uma semana. E um mês. E um ano... (enxugue as lágrimas – ninguém tá olhando agora). Você precisa se desenvolver! Olhe ao redor e aprenda!

As organizações devem ser vistas plataformas para você ser melhor a cada dia. Pelo que você faz, pelas relações que constrói e pela informação que absorve. Mas tem que estar atento e presente.

Ninguém vai te obrigar a aprender. Mas ninguém vai te impedir! =^)


TEMAS