TEMAS


Cia Ballet de Cegos

Associação de Ballet e Artes Fernanda Bianchini existe desde 1995 e é reconhecida mundialmente por um método pioneiro desenvolvido pela bailarina e fisioterapeuta Fernanda Coneglian Bianchini Saad.

Por esse método, deficientes visuais aprendem a dançar Ballet de forma graciosa, como qualquer outro belo bailarino. O aprendizado se inicia no toque. O passo é ensinado a cada aluno.

O professor, sempre com muito carinho, orienta e repete todos os movimentos até que, em certo ponto, os bailarinos dançam apenas com instruções orais.

A Associação dá aulas gratuitas para deficientes visuais, deficientes motores, deficientes intelectual e vários outros tipo deficiências de várias idades, com aulas de Ballet Clássico, Sapateado, Dança de Salão, Danças para terceira idade, Expressão Corporal e Teatro. Atualmente estamos 110 alunos.

Com esses cursos, nossos alunos melhoram a postura, o equilíbrio, a noção espacial e a auto-estima, além de romper barreiras e preconceitos. Nossa Associação tem sido constantemente matéria de jornais, revistas e programas de TV, sendo apresentada, com orgulho, no Brasil e no exterior.

O ballet clássico para deficientes visuais teve início no Instituto de Cegos, em São Paulo há quase 16 anos. Este trabalho, bem como seu método é pioneiro no mundo e foi desenvolvido voluntariamente pela bailarina e fisioterapeuta Fernanda Bianchini. Com a dedicação da professora e das alunas, o grupo foi quebrando paradigmas, superando barreiras e transformando o que era impossível.

A partir de 1999, começamos a participar de espetáculos e festivais renomados em dança dentro e fora de São Paulo e conquistamos uma nova categoria especial em dança para deficientes, abrindo também o espaço para outros portadores de deficiência.

A novidade foi um sucesso para as alunas e para a sociedade como um todo, sendo que, hoje, temos mais de 100 troféus de premiações nesses festivais e até participações como grupo convidado, o que é uma honra.

No final de 2003, o Instituto de Cegos decidiu terminar com a atividade do grupo em suas instalações. Para que o trabalho não acabasse, pais, amigos e colaboradores resolveram montar uma associação. Com o nome de Associação de Balé de Cegos Fernanda Bianchini, o grupo iniciou uma nova fase, com objetivos mais amplos.

O trabalho que fazemos é por amor; amor que é impossível transcrever em palavras e é por isso que estamos plantando semente nestas meninas ou talvez em novas outras, para que, com nossos cuidados e aprendizados, elas se tornem as pupilas da mais nova geração de bailarinas e talvez agarrem esta arte como uma profissão.

Atualmente temos 10 professores entre eles temos a Geyza Pereira da Silva, que também é deficiente visual e que faz um trabalho, maravilhoso com nossas bailarinas mirins. E temos também a professora Fernanda Bianchini que é fundadora da Associação e voluntária.

Os espetáculo desenvolvidos pela Associação foram:

A Casa de Bonecas (2005), Divertssiment (2007), O Quebra Nozes (2008), Copélia (2009), Dom Quixote (2011) e A Bela Adormecida (2012), Remontagem 'O Quebra-Nozes' (2013), Paquita (2014) e Le Jardim (2014).

Já dançamos em vários Estados do Brasil e também em vários país como, Buenos Aires, Londres, Estados Unidos. Participamos de vários festivais de dança como, Festivais e Encontros de Dança: Festival de Inverno de São Paulo pela RV Promoções, Festival de Joinville, Festival de Indaiatuba, Festival de Campos do Jordão, Festival Internacional de Osasco, Apresentação no Criança Esperança, Abertura do Parapanamericano no Maracanãzinho juntamente com a Orquestra regida pelo Maestro João Carlos Martins, participamos do evento Somos Todos Brasileiros em 2013 e 2015, em 2012 participamos do encerramento das Paraolimpíadas em Londres. Este ano recebemos um convite muito especial, participar do 1º Festival de Dança Internacional voltado aos deficientes, que acontecerá em Junho de 2015 na Alemanha.

Apresentação Motivacional do Ballet de Cegos Fernanda Bianchini

Único Ballet profissional de cegos no mundo.

A Associação de Ballet e Artes Fernanda Bianchini existe desde 1995 e é reconhecida mundialmente por um método pioneiro desenvolvido pela bailarina e fisioterapeuta Fernanda Coneglian Bianchini Saad. Por esse método, deficientes visuais aprendem a dançar Ballet de forma graciosa, como qualquer outro belo bailarino. O aprendizado se inicia no toque. O passo é ensinado a cada aluno. O professor, sempre com muito carinho, orienta e repete todos os movimentos até que, em certo ponto, os bailarinos dançam apenas com instruções orais.

A Associação da aulas gratuitas para os deficientes de todas as idades, com aulas de Ballet Clássico, Sapateado, Dança de Salão, Danças para terceira idade, Ballet para adultos e música. Com esses cursos, nossos alunos melhoram a postura, o equilíbrio, a noção espacial e a auto-estima, além de romper barreiras e preconceitos.

1- Coreografia Amanhã.
Com a platéia com pouca luz o grupo apresenta uma coreografia sem anunciar a deficiência do grupo.

2- Depoimento motivacional por Fernanda Bianchini, que conta a história de como foi possível tornar o impossível em uma bela arte.

3- Uma coreografia de Ballet Clássico mostrando técnica,disciplina, trabalha em equipe e o papel do líder no processo motivacional da equipe.

4- Apresentação de Sapateado e musical, mostrando ritmo, sincronismo e muita alegria que é nosso lema.
Coreografia Mamamia com todo o elenco de 12 bailarinas no palco.

5- Vivência
Uns dos momentos mais especiais, é quando convidamos algumas pessoas da plateia para vivenciar em um momento único em suas vidas. Com os olhos vendados todos se deparam com um mundo de verdadeira inclusão social necessária para a empresa formar um círculo humano na equipe.

Nesta etapa abordamos temas como:

- Superação.
- Equipe.
- Ajuda Mútua.
- Sociedade.
- Inclusão.
- Derrubar barreiras.
- Vencer metas e a concorrência.
- Motivação de equipe.
- Liderança e o papel do líder entre outras.

6- Finalização com muita emoção, mostrando uma maneira diferente de se enxergar o mundo com os olhos do coração. Coreografia Olhando para as estrelas.

Nossas apresentações são realizadas de acordo com as necessidades e objetivos de cada evento de acordo com cada empresa.

Este citado é apenas um exemplo de uma apresentação motivacional bem diferente de tudo o que a empresa bem diferente de tudo o que a empresa e seus funcionários já viveram.

AT 10-08