Marcelo Negrão

Marcelo Negrão

TEMAS


Marcelo Negrão

Marcelo Teles Negrão é um ex-atleta de voleibol e uma das grandes estrelas deste esporte nos anos 90.

A primeira convocação para a Seleção Brasileira de Voleibol Masculino veio aos 17 anos, e com essa idade se tornou titular da seleção adulta, onde serviu por muitos anos

Após o término dos campeonatos Juvenil e Infanto-Juvenil de 1989, veio a importante convocação para a Seleção Brasileira Adulta, e já em 1990, no Campeonato Mundial realizado no Rio, Marcelo ainda com seus 17 anos, passou a ocupar a posição de titular.

Marcelo, também no time adulto do Banespa desde 1989, deu ao clube o título de Tricampeão Paulista e Brasileiro nos anos de 89/90/91 e Campeão Sul-Americano de Clubes no ano de 91.

Em 1991 levou o Brasil ao título de Vice-Campeão no Campeonato Pan-Americano e Campeão Sul-Americano.

Nesse mesmo ano, após participar da Liga Mundial, no qual foi considerado o melhor atacante do campeonato, veio o contrato para jogar na Itália, fazendo parte do time Gabeca, em Monti Chiari. Marcelo iria integrar-se ao time após as Olimpíadas de Barcelona, em 1992.

Marcelo guarda, entre outras, algumas imagens e recordes que permanecem até hoje e que dificilmente serão esquecidos:

O seu saque foi o ponto final na partida Brasil x Holanda, na disputa pelo ouro das Olimpíadas de Barcelona/92. Quando saltava para atacar, Marcelo atingia a bola a 3,60m do chão. A velocidade da bola lançada pelo Marcelo durante o ataque atingia 150 km/h.

Obs.: estes recordes mundiais 3,60 m e 150 km/h foram para o GUINESS BOOK

No Gabeca de Montichiari Marcelo colocou 74 bolas no chão em apenas um jogo.

Por essas e outras características, Marcelo é reconhecido e cumprimentado em todos os cantos do Brasil, desde os grandes centros até cidadezinhas interioranas, reconhecimento este que está fortemente embasado em uma carreira de talento, esforços e dedicação conquistados ao longo dos seus 21 anos de voleibol.

Prêmios

1988
Melhor jogador da Copa Dan´up

1989
Melhor jogador do mundo do Mundial Infanto-Juvenil
Melhor jogador de Brasil X Espanha

1990
Melhor atacante da Copa Brasil
Melhor atacante da Liga Mundial

1991
Melhor atacante do Mundial de Clubes
World Cup (entre os seis melhores jogadores do campeonato)

1992
Melhor atacante das Olímpiadas de Barcelona

1993
Melhor Jogador do Mundo

Conquistas

1987
Campeonato Metropolitano Juvenil – Bronze
Campeonato Estadual Paulista Juvenil – Bronze

1988
Copa Metropolitana Infanto-Juvenil – Ouro
Copa Metropolitana Juvenil – Prata
Campeonato Estadual Paulista Juvenil – Ouro
Campeonato Brasileiro Juvenil – Prata

1989
Campeonato Mundial Infanto-Juvenil – Ouro
Campeonato Mundial Juvenil – Bronze
Campeonato Paulista – Ouro
Campeonato Brasileiro – Ouro

1990
Copa Brasil – Ouro
Copa Nordeste – Prata
Torneio Início – Ouro
Campeonato Mundial de Clubes – Prata
Campeonato Paulista – Bicampeão
Campeonato Brasileiro – Bicampeão
Liga Mundial – Bronze

1991
Campeonato Sul-Americano de Clubes – Ouro
Campeonato Mundial de Clubes – Prata
Campeonato Paulista – Tricampeão
Campeonato Brasileiro – Tricampeão
Campeonato Sul-Americano – Ouro
Jogos Pan-Americanos – Prata

1992
Copa Super Four – Ouro
Super Copa – Ouro
Campeonato Sul-Americano de Clubes – Bicampeão

Olimpíadas de Barcelona – Ouro

1994
Campeonato Italiano - Sisley Treviso

Temas de Palestras:

Obstinado, disciplinado e vitorioso, sua história o credencia a abordar temas distintos como:

- Trabalho em equipe
- Sucesso
- Superação

Sempre de forma divertida e rica em narrativas e imagens.

A capacidade de se reinventar ao superar as dificuldades faz deste atleta um exemplo de determinação.

AT 11-09