André Peres Jr.

André Peres Jr.

TEMAS


André Peres Jr.

O jovem André Peres é visto como um enólogo que trouxe novos valores numa empresa bem tradicional, a cooperativa gaúcha Aurora, que deixou a capital de Goiás para estudar enologia em Bento Gonçalves.

Aos 24 anos, Peres é um dos enólogos ao qual Flávio Zílio se refere, que mostra que a maturidade da indústria também cresce com a renovação da mão-de-obra.

O enólogo André Peres Jr. da Vinícola Aurora, foi o representante do Brasil no júri do concurso Sélections Mondiales des Vins 2015, realizado de 29 de maio a 01 de junho, no Canadá, em Quebec.

Ele integrou o time de 44 jurados, de um total de 26 países. Um dos mais importantes concursos internacionais de vinhos entre os realizados no continente americano, este ano o Sélections Mondiales des Vins reuniu 2151 vinhos de diferentes países.

O enólogo André Peres explica quais são as bases que um vinho precisa ter para ser um bom candidato ao envelhecimento: uma boa estrutura de compostos orgânicos (polifenóis, sacarídeos proteicos, matéria corante, taninos, de boas uvas, álcool potente e boa acidez.

Se esse conjunto não apresentar harmonia, esse vinho será apenas um vinho velho. A harmonia é uma riqueza que dá complexidade e que pode vir de uma boa safra, do uso correto da madeira e da habilidade do enólogo dentro da vinícola, completa Peres.

Temas de palestras:

- Enólogo - vinhos
- O envelhecimento dos vinhos em garrafa

AT 09-08