TEMAS


Luiz Felipe Scolari

Luiz Felipe Scolari, também conhecido como Felipão, nasceu em Passo Fundo, RS.

É um ex-zagueiro brasileiro (defesa central) e atualmente treinador de futebol.

Foi campeão do mundo de futebol como técnico da Seleção Brasileira em 2002 na Copa do Japão e da Coréia do Sul.

É desde 2003 técnico da Seleção Portuguesa, tendo prestigiado a Seleção Nacional Portuguesa nos torneios Internacionais em que tem participado, tanto no Europeu de 2004 em que se tornou vice-campeão como também na Copa do Mundo "Alemanha 2006" em que foi semi-finalista.

Alguns clubes que dirigiu: CSA-AL, Juventude-RS, Pelotas-RS, Al-Shabab-ARA, Grêmio, Al Qadsia-CAT, Criciúma-SC, Al Ahli-ARA, Jubilo Iwata-JAP, Palmeiras e Cruzeiro.

Estreou no AYMORE/RS (1966); jogou pelo Caxias/RS (7 anos), JUVENTUDE/RS, NOVO HAMBURGO/RS, CSA/AL (onde encerrou a carreira em 1982); treinador do próprio CSA, vai para o BRASIL/RS.

Iniciou a carreira internacional na Arábia Saudita, indo depois para o Kuwait, Japão e Portugal (2004). Foi recordista de vitórias consecutivas em Copas do Mundo: 12.

Luiz Felipe Scolari iniciou no futebol profissional aos 19 anos, como zagueiro do Aymoré, de São Leopoldo. Demonstrando uma liderança nata,logo assumiu como capitão da equipe.

Em 73, foi para o Caxias, onde jogou por 6 anos. Luiz Felipe é o recordista de jogos do clube. Neste período, ele fez a Faculdade de Educação Física em Porto Alegre com especialização em futebol e vôlei.

Depois de jogar no Novo Hamburgo e Juventude, encerrou a carreira aos 32 anos no CSA de Maceió, onde iniciou a carreira de técnico de futebol. A primeira decisão na nova função foi no ano seguinte, quando levou o Brasil de Pelotas a final do Campeonato Gaúcho de 83.

Luis Felipe também deixou boa impressão quando excursionou com o Juventude para a Coréia e Oriente Médio. Os dirigentes árabes do Al Shabab de Riyad, o contrataram, e logo na primeira temporada foi vice-campeão.

O primeiro título foi o Campeonato Gaucho, conquistado em 87 pelo Grêmio.

Com início da década de 90, começaram as conquistas do técnico Scolari. No Kuwait em 1990, venceu a Copa do País pelo Al Qadsia, e a Copa do Golfo pela seleção do país.

No Brasil, foi campeão 3 vezes da Copa do Brasil e 2 vezes da Libertadores. O trabalho a longo prazo começou a caracterizar sua carreira. Foram 3 anos e meio no Grêmio e 6 títulos. No Palmeiras, 3 anos de trabalho e 4 títulos. Disputou 5 Libertadores, e chegou à 3 finais e 1 semifinal.

Foi eleito por 200 jornalistas sulamericanos numa pesquisa do jornal "El País" do Uruguai, como melhor técnico sul-americano em 99. Assumiu em 12 de junho de 2001 a Seleção Brasileira. Conquistou a Copa do Mundo de 2002 com 100% de aproveitamento. Foi o 16o título conquistado em 26 finais disputadas.

Em janeiro de 2003, assumiu a Seleção Portuguesa. Depois de 1 ano e meio de preparação, levou Portugal a final inédita da Eurocopa, onde conquistou o vice campeonato. Nas eliminatórias europeias para a Copa da Alemanha, conseguiu a classificação antecipada e invicto. Na Copa do Mundo, levou Portugal entre os 4 melhores. Renovou o contrato até o Euro 2008 na Áustria-Suiça.

Temas das Palestras

- A Formação de Equipes e Motivação
- Como Administrar Estrelas
- Como Montar uma Equipe Vencedora
- Liderança, Motivação e Teamwork
- Estratégias em Organizações
- Qualidade de Vida
- Atletas Vencedores
- Especialistas do Seu Ramo
- Luiz Felipe Scolari por "Felipão"
- Disciplina
- Dedicação e Empenho
- Respeito com o ser humano
- Como lidar com as vitórias e derrotas
- Princípios de vida
- A importância da comunicação
- Diversas formas de liderança
- Conceitos de equipe
- Adaptação à novas situações
- Trabalhando sob pressão
- A importância de ter o objetivo definido e claro para o grupo
- A importância de definir a responsabilidade de cada um no grupo
- A importância da disciplina, dedicação, lealdade e responsabilidade
- A importância de se conhecer o potencial de cada um no grupo
- A importância de ter prazer no que está fazendo
- Como formar um grupo de trabalho
- Como evitar que as individualidades e vaidades prejudiquem o grupo
- Como manter o grupo motivado
- Como recuperar a motivação após um fracasso
- Como cobrar e valorizar o grupo
- Um líder pode fazer uma equipe campeã
- Qual o papel do líder na escolha, no treinamento, no desenvolvimento na  motivação de equipes
- Existe um estilo ideal de liderança? Ou depende da maturidade e dos objetivos
- Até que ponto um líder poder virar o resultado de um jogo
- Como lidar com conflitos, estrelismos, pressões, e diferenças individuais nas equipes

Através de relatos da construção de sua carreira vitoriosa, o técnico Luiz Felipe Scolari dá inúmeros exemplos de como conseguir um objetivo. A importância de se dedicar, ter disciplina, respeitar os comandados e comandantes e da comunicação da equipe.

Ele possui como princípio básico que todas as pessoas devem se preparar antecipadamente para quando as oportunidades passarem, estarem prontas para agarrarem a sua chance, independente da classe social, profissão, trabalho e objetivos.